COMPRE POR TELEFONE - 0800-7711131

UMA NOITE EM BUENOS AIRES
Voltar

Descrição
Endereço
Condições de Uso

TRIBUTO A ASTOR PIAZOLLA
COM AMELITA BALTAR, CARLOS BUONO, ALBERTO BIANCO E ORQUESTRA DE MAESTROS VIRTUOSES, ALÉM DOS BAILARINOS CAMPEÕES MUNDIAIS DE TANGO.

O Brasil receberá em MAIO DE 2017 a nova edição do espetáculo Uma Noite em Buenos Aires, que há 40 anos excursiona com sucesso por todo o mundo.

Com direção musical do consagrado Maestro Calos Buno e com a voz emocionante da cantora Amelita Baltar (ex-esposa de Astor Piazolla), esta nova edição fará um TRIBUTO A ASTOR PIAZOLLA em um espetáculo que reúne o que há de melhor do Tango argentino e conta com direção e produção geral de Manoel Poladian.

Em São Paulo, a apresentação está marcada para as 22:00horas do dia 13 de Maio no Tom Brasil e alguns sucessos de Piazolla estão garantidos no repertório como Libertango, Adios Nonino e Balada por un loco.

AMELITA BALTAR

Amelita Baltar é hoje considerada a maior cantora de tango no mundo. Tornou-se famosa a partir da década de 70, quando começou a interpretar e gravar canções de Astor Piazolla, com quem se casaria e Horácio Ferrer.

Antes do Tango, Amelita havia passado com destaque pela música folclórica argentina, gênero com o qual ganhou o Festival Internacional del Disco em Mar del Plata, logo sendo convidada por Piazzolla para realizar a famosa ópera Maria de Buenos Aires que obteve grande êxito em sua passagem pela Europa.

Amelita se destaca além da voz, por sua forma dramática de se apresentar e tem como uma de suas gravações mais conhecidas, a música Balada para un loco da série das Três Baladas de Horácio Ferrer.

CARLOS BUONO

Diretor musical, bandoneonista, compositor e arranjador, o maestro Carlos Buono (Prêmio Sadaic / Bandoneon de Ouro) é, hoje em dia, o mais autêntico e magnífico interprete de Astor Piazzolla. Foi solista com a Orquestra Sinfônica de Berlim e a Orquestra Sinfônica da Ópera de Milão, Amsterdam e Hamburgo. Chamado de “o rei do tango” na Europa, atualmente está em turnê com o astro holandês André Rieu.

Carlos Buono nasceu em Buenos Aires, em 1942. Atuou como músico junto a grandes nomes até formar seu próprio grupo e atuar nas principais capitais do mundo. Vencedor do prêmio Homero Manzi no Festival de Baradero (Argentina), integrou os grupos orquestrais de Alfredo Gobbi, Osvaldo Tarantino, Mariano Mores, Horário Salgan, José Colangelo, Osvaldo Berlinghieri e Atílio Stampone. Foi diretor musical da casa de espetáculos Michelangelo e dos artistas Raul Lavie e Libertad Lamarque, além de ter sido solista do espetáculo de Júlio Bocca em Nova Iorque. Acompanhou Adriana Varela, Eladia Blazquez, Maria Graña e Lito Nebbia.

Ao longo da carreira realizou diversas turnês pelo Japão, Estados Unidos, Rússia, Europa, América Central, América do Sul e Canadá. Foi diretor musical do Piazzola Tango em Buenos Aires e teve sua carreira homenageada com a medalha e diploma da Sadaic (Sociedade de Autores e compositores da Argentina).

Ela também tem em seu currículo participação em vários CDs e três álbuns solo: “Renaciendo” (2004), “Alma De Tango” (2005) e “Otra Miranda” (2008). Seu estilo mistura a dramaticidade característica do tango com uma elegante técnica vocal.

OUTROS DESTAQUES DO ELENCO

ORQUESTRA DE MAESTROS TANGO SINFÔNICO

ALBERTO BIANCO (maior intérprete de ASTOR PIAZOLLA)

BAILARINOS CAMPEÕES MUNDIAIS DE TANDO que superaram artistas da Argentina, Paraguai, Colômbia, Rússia, Chile e Itália no Festival Mundial de Tango de Buenos Aires.

Opções Semelhantes

HOMEMISSÃOFAQCHAT ON-LINECADASTRE-SECONTATO
© 2014 Click Concierge - All Rights Reserved.
www.clickconcierge.com.br - contato@clickconcierge.com.br
Pague com segurança